domingo, 30 de outubro de 2016

O meu vestido do baile

Procuro alguém para levar-me ao baile de finalistas aquele baile coberto de estrelas e galáxias sobre as nossas cabeças.
Queria que colocasses uma flor sob o meu pulso e convidasses para poder descompassar contigo em todas as danças e principalmente nos teus lábios.
Gostava que dançassemos aquelas baladas de amor até sermos os únicos na pista como se não fosse uma despedida, mas sim um começo das nossas vidas.
Precisava que fizesses uma declaração de amor aquelas que costumo escutar por detrás dos cacifos do pátio, só precisaria ouvir a palavra amor para poder dormir aconchegada esta noite.
O meu vestido era como a cinderela, mas é óbvio que nunca seria como ela.
Era apenas a rapariga que sentava na última carteira da sala observando o rapaz que eu amava na minha mente, e estupidamente aguardava o dia em que um daqueles bilhetes de conversa distribuídos chegasse até mim vindo de ti.
As tuas gargalhadas não saem da minha mente invadem o meu quarto quando tento dormir e voltar ao mundo real, mas tu deixas-me louca, arrepiada, frustada.
Aí nem sei que confusão...
Talvez se levasses mesmo ao baile talvez não seria a primeira vez que colocaria bonita só para ti, eu sei que tu não sabes, mas durante estes anos todos aprontei o meu cabelo e coloquei a minha melhor roupa para notares em mim e nada.
Sabes o que é mais louco era observar-te perto do campo onde tu treinavas todas as terças e quintas, e eu pensando no quanto só tão feia e transparente.
Imaginei tanta coisa contigo durantes este tempo todo, mas não vale a pena.
Mais vale deixar o vestido estendido na cama e esperar por alguém que goste de mim.

 

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Nostalgia dos anos 90

Oiiiii!
Eu já ando a um tempão a querer escrever sobre este tema porque existem várias coisas que levam aos anos 90 e que realmente eu fui feliz com todas elas, e se eu pudesse voltar a esse tempo eu voltaria com certeza.
Quero partilhar aqui jogos, livros, acessórios, brinquedos tudo o que fez bem feliz e que agradeço muito aos meus pais por terem posto no mundo nesa altura porque graças aos momentos que vivi hoje sou a pessoa que sou e claro.
Eu espero que vocês gostem e vos traga muita nostalgia da vossa infância.

1. A alegria de ter estas canetas era imensa eu tinha imensas cores numa caneta sendo assim eu era a criança mais feliz do mundo, e se naquele eu a tivesse seria uma sortuda.

2. Quantas combinei estas pulseiras de missangas com cores diferentes com cada roupa que levasse na escola, pronta para partilhar com as minhas amigas.




3. As três irmãs gêmeas, eu tinha uma cassete VHS com uns quantos episôdios e nunca fartava de ver.
Gostava muito das histórias e fazia sempre rir.

4. Lembro-me que as manhãs na SIC eram preenchidas com estes desenhos animados " The rugrats", que eram apenas bebés muito aventurosos que fartavam-se de aprontar uns com os outros.
Na altura, também cheguei a jogar um jogo desse desenhos animados na Playstation e era bem bom.





5. A Barbie Tatuagem gostava muito dessa boneca e tratava muito bem as minhas bonecas porque era com muito sacríficio que os meus pais compravam.
Eu amava essa barbie porque as tatuagens ficavam mesmo no corpo dela, mas também não colocava apenas na barbie.
 6- Que eu me lembre foi a Barbie que eu mais conservei, eu era muito de guardar coisas da barbie todos os sapatos e roupas, o carro, a casa enfim.
O cômico disse é que como tive o ken, mas a cabeça dele partiu eu cortei o cabelo duma Barbie para fazer de homem e vesti com as roupas do Ken, a criatividade ja era boa. Kkkkk






7. Este era um jogo de pesca, esse tabuleiro ficava a rodar e os peixes tinham um Íman de tro da boca e com uma cana tinhámos de tentar agrarrar.
Era bem divertido na altura.

8. Tamagochi. R.I.P todos que matei e deixei passar á fome. Tive muitos, mas nenhum sobreviveu devido a minha falta de cuidado.

9. AquaPlay. Não sei se lembram, mas objectivo deste jogo era colocar o máximo de bolinhas dentro de uns dois pauzinhos que lá ficavam e tinha um botão que tinhamos de fazer pressão nela porque tinha água lá em casa.

10. Até hoje ainda tenho estes rolos de fotografia que era usados nas máquinas a rolos para depois com os negativos irmos imprimir numa loja e acho que até hoje as melhores fotografias são aquelas que guardamos num albúm e que temos oportunidade de a qualquer momento estar em contacto com elas.


Obviamente estes foram um dos jogos que marcaram muito a altura dos amos 90 e 2000 pelo menos para mim porque foram jogos que eu fiz de questão de passar até ao fim.




15. O meu primeiro videogame foi uma playstation 1 só a música de ínicio 
já era tudo na minha vida e durou bastante tempo.

16. Discman, a minha mãe usava muito para levar para o trabalho e quando ela chegava eu ia la na mala dela ouvia a música dela e acabava por gastar as pilhas todas.
Era um sensação muito boa poder andar com algo pela casa a escutar música.



17. Eu tive uma mala dessas que vem com mil uma cores possíveis e vários tipos de lápis.
Dava muito jeito com os desenhos da escola ou assim, só de ter uma mala desta já sentia uma artista profissional.

18- A minha mãe usava muito esses ganchinhos no meu cabelo quando fazia aquelas duas tranças enormes de cada lado ficava tão giro.

19- Eu amava esses autocolantes, as minhas folhas do caderno, as bonecas, os livros ficavam todos enfeitados.
Até hoje hoje lembro da sensação de vê-los e ao mesmo tempo cantar a música da Sailor Moon.



20. Red Hot Chili Peppers é a minha banda de eleição de quando a MTV era apenas boa música, bons programas e bons desenhos animados.
Ouvir as músicas desta banda trazem muitas boas recordações e até hoje sinto-me capaz de escutar músicas deles porque tinham letras mesmo muito boas.




Decidi partilhar com vocês estas fotografias porque era de bonecas que eu gostava muito.
Eu tinha uma boneca maior que eu que é aquela do lado esquerdo que eu dei o nome de Jasmin que era duns desenhos animados que davam na SIC de manhã.
Na outra fotografia do lado direito sou eu com uma barbie mergulhadora até vinha com um golfinho e essa barbie quando colocada na água as pernas dela ficavam da cor da pele dela.
Para mim isso já era uma coisa bem avançada.


Na biblioteca da minha escola havia todas as coleções destes livros, eu não li todos eles, mas gostava muito porque era os livros de mistério daquele tempo.



 "Os Arrepios", foi daqueles livros que lia clandestinamente porque eram livros de Terror e a minha família não achava muita piada uma miúda de 12 anos ler estas coisas porque quem sofria á noite seria eu claro.

Este foi um post bem extenso, mas deu muito prazer de escrever porque trouxe tantas recordações boas que fez refletir que eu fui muito feliz graças a estas coisas todas.
Muitos beijinhos!



quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Grande Sonhadora: O meu canal



Finalmente ganhei vergonha na cara e criei um canal no Youtube eu já devia ter feito isso a mais tempo, mas passo a maior parte do tempo a adiar algo que já podia ter realizado a mais tempo.
Com os conselhos do meu namorado decidi ir em frente com isso porque eu sempre tive muitas ideias boas, mas escrever no blog sobre alguns temas não tem muito efeito quando são feitos em vídeos.
Vou arriscar, vamos ver como vai correr.
Espero que gostem desta minha nova faceta e que corra tudo bem.

                

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Um mês de união




Olá meninas e mulheres!
Este é um mês muito simbólico para muitas mulheres que batalham todos estes anos contra um cancro da mama, uma doença que não é tarefa fácil.
Assim como todos os anos mulheres são diagnoticadas com cancro da mama, como também vencem-no ou acabam por ser derrotadas e não porque quiseram porque lutaram até ao fim.
Sou mulher e posso vir a sofrer um cancro também, e claro que tenho de estar preparada para o que der e vier, mas convém proteger-me em ir regularmente ás consultas com a médica de família, devo informar qualquer anomalia que eu detecte no meu corpo assim como fazer tudo o que a médica pedir.
Acho que devemos agir sem medo e pensarmos que teremos sempre as pessoas que amamos do nosso lado.
Em algum momento da nossa vida teremos que realizar um teste genético caso aja casos de cancro na nossa família ou tenhamos apenas cuiriosidade.
O teste pode positivo como pode ser negativo, pode ser positivo e termos sim probabilidade de vir a ter cancro ou viver anos e anos e nunca ter como podemos ser negativos e sem sabermos desenvolvermos essa doença.


O cancro é uma doença bem silenciosa que controlada a tempo pode salvar-nos.
Peço que não tenham medo do resultado e que pensem que nem todas as mulheres com cancro são infelizes porque com o que aprendi foi que quando sofremos de algo levamos uma vida mais alegre e não sabemos o que vai acontecer amanhã.
Muitas guerreiras fazem de tudo para guardar bons momentos, e se partirem deixarem-nos com boas recordações.
Para além de falarmos de um tema tão arrebatador temos de comemorar todas as mulheres que venceram o cancro e que passaram pelas cirugias que tiveram de passar que foram dolorosas, mas é de coragem terem sido tão fortes.
O cancro da mama não é apenas uma doença fisíca, mas que pode afectar-nos psicologicamente, mas com calma poderemos ultrapassar essa fase do susto que levamos por saber que temos essa doença como também ajudar os nossos familiares.
Sendo o mês rosa eu decidi partilhar convosco os produtos que tenho usado e alguns que comprei.





Esta é uma fragância da Victoria Secret de Nectar de Manga e Hibiscus.


Esta é outra fragância da Victoria Secret que é de Botões de Cereja e Pessêgo.



Adquiri este verniz da Cien a cor é 12 Berry Passion.


Este Batom da Avon  é o Instant Mocca.


Este creme já foi oferecido a algum tempo e é de Manga e romã.


Este creme hidratante é da Victoria Secret é de pêra e melão está quase a terminar porque é um creme que eu uso bastante.




Estes batons eu comprei ontem e são da Essence e são Matt.
O rosa mais escuro chama-se Ready, Set, Impress 04, o mais claro é o 03 Girl of today ainda nem abri os batons porque estou á espera de poder sair de casa para poder ver como ficam.

Espero que tenham gostado do meu post!
Beijinhos!





sábado, 15 de outubro de 2016

Colaboração: Copia o look


Boa tarde, como estão?
Esta semana estou a fazer parte de uma colaboração criada pela Andreia Soares junto com um grupo de muitas meninas que decidiram participar.
Ultimamente, tenho estado doente com amigdalite e mal do meu joelho esquerdo e admito que não foi muito fácil ter uma boa disposição, mas como é uma coisa que gosto de fazer e faço por diversão também decidi não desistir da colaboração.
Sendo assim espero que gostem!
 O look escolhido foi de uma pesquisa no Pinterest e apenas alterei uma peça como o casaco e foi isto que resultou:














































Irei deixar aqui os blogs das meninas envolvidas nesta colaboração!
O que acharam?
Botas-Lefties
Casaco-Primark
Vestido- Modalfa
Beijinhos!



BLOG
YOUTUBE
Ana Filipa
Ana Margarida Silva

Ana Rita Madeira

Andreia Soares

Bia Oliveira

Bruna Silva 

Daniela Coelho

Filipa Martins

Inês Serôdio

Isa Freitas
Lenita Queiroz

Mafalda Teixeira

Mariana Cunha

NoOno Monteiro

Paula Santos
Rute Marques
Sandrine Cabecinhas

Sofia Duarte















terça-feira, 11 de outubro de 2016

Ainda que chova, ainda que doa


Consegues sentir-me?
Olha para mim, declara-te a mim e termina tudo com o domínio completo dos meus lábios aos teus.
Se conseguiria passar o dia inteiro a descrever-te eu faria com muito prazer.
Pode uma tempestade assombrar-nos o sentimento um pelo outro.
Pode até suscitar certas dúvidas, mas eu amo-te e aturo-te de tanto amor.
Sou uma louca contigo como sou louca para ti.
Cheguei á conclusão que para amar de verdade tenho de tropeçar, chorar, esquecer e partir muitas vezes o coração, mas estou aqui de novo amando entregando o meu coração de novo tanto o meu corpo e a minha paixão.
Estou escrevendo cartas de amor, estou aqui imaginando nós os dois no topo do mundo, estou dormindo e acordando contigo.
Estou apaixonar-me todos os dias mesmo caindo na rotina.
Continuo tendo a minha pele respirando o teu calor e o nosso aconchego, e neste momento só quero estar contigo.
Quero estar com único que posso confiar e toda minha vida entregar.



segunda-feira, 10 de outubro de 2016

O que eu aprendi com aceitação



De uns tempos para cá eu decidi assumir o meu cabelo e este já é um tema que foi falado por aqui no meu blog.
O facto de eu assumir o meu cabelo é um momento muito importante para mim até um momento de glória.
Fez-me crescer e achar que o meu cabelo também é bonito e também é um sex appeal e não apenas os cabelos pantene que assisto sucessivamente na televisão e fazem sentir completamente aparte.
Começo a ver que com o tempo as coisas estão a evoluir porque hoje eu tenho acesso a muitos videos no Youtube de como hidratar, nutrir ou aprender a brincar com a texturização do meu cabelo e ver que ele consegue dar-me um poder.
O que mais aprendi nisto tudo foi em relação ao meu tipo de cabelo e ele é um 4c e existem muitas meninas que conheço com este tipo de cabelo, e é bom podermos apoiar umas ás outras com conselhos de produtos ou como tratar do cabelo.

Para mim é otimo poder fazer parte de um grupo no facebook de crespas e cacheadas que é um grupo muito unido e que ajuda-nos umas ás outras para conseguir chegar á meta final.
É que apartir do momento que conhecemos o nosso cabelo, a nossa maneira de pensar muda, o nosso estilo muda e até parece que ficamos mais de mente aberta por estarmos a lidar com outras pessoas assim, pessoas felizes.
Uma das coisas positivas é ouvir elogios do tipo:" olha eu gosto de ver que estás assumir o teu cabelo porque és linda assim", ou ouvir o meu namorado dizer que desde que começou a namorar comigo começou a ver a beleza num cabelo africano, começou a conhecer mais de cuidado com o cabelo e assim.
Mas eu também ás vezes exagero porque sou capaz de passar um dia a falar só de cabelo.
E é isso estou tão feliz que precisei de partilhar isso com vocês.


Assumir o meu cabelo não é moda, é do meu ADN!






domingo, 9 de outubro de 2016

Emulsão de Limpeza de Aveia

A uns meses atrás eu andava com uma pequena alergia na pele e a minha tia emprestou-me este esfoliante que é muito bom, se eu pudesse teria acesso outra vez a ele.
Quando o usava passava na cara e na zona mais afectada vazia massagens na pele deixava uns 10 minutos atuar, eu não tinha propriamente a pele seca, mas como eu tenho umas borbulhas no pescoço devido ao aparecimento de pêlos ajudava-me muito.
É um produto bem consistente como se estivêssemos a passar mel pela face, o aroma a Aveia é bem agradável.
Depois de remover este esfoliante a minha pele ficava bem fresca, hidratada e super macia dava uma sensação muito boa.
Eu aconselho a experimentarem porque eu aposto que vão adorar.
Irei deixar aqui o link do produto caso queiram obtê-lo:


quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Não preciso mais ficar

Não vou dançar mais apartir de agora vou correr em direcção aquela luz que vejo a minha frente, não sei exactamente o que ela irá decidir sobre mim.
Antes eu tinha uma asas cheias de brilho e poder, agora de nada servem talvez irei oferecer a quem realmente pertence.
Chegou a hora de coroar um outro rei e uma rainha porque eu sei que assim que despir-me dessa coroa todas as folhas de outono dançaram ao meu redor, as borboletas que moram dentro de mim darão oxigénio a outro alguém.
Talvez preciso de chegar ao fim e deixar tudo para trás as lembranças, as memórias grudentas que moram em mim.
Deste fim devo ter que largar tudo que atormenta e fez o mundo sufocar quando eu pensei que a natureza estava ao meu favor.
As minhas lágrimas foram ditadas pelos compassos,pausas e a orquestra que compunha a melodia do meu fim.
Não existiram mais poesias arruinadas pela sensação de um vazio que levará ao nada.
Quem disse que a felicidade finalmente seria minha mentiu-me com todos os dentes que tinha na boca.
E agora só consigo observar o meu rosto no espelho esmigalhado de azar e pranto que resolveu morar  aqui.
Se eu fosse do mar mergulharia com ele.
Se eu fosse do vento dançaria com ele.
Se eu fosse do fogo queimaria junto com ele.
Se eu fossse da terra enterraria junto com ela porque eu sou pó apenas isso.
É uma verdade nua e crua, mas eu sou pó.
Não preciso mais ficar porque no meu coração um dia eu morei e com ele perdurarei.